Bolsa de Valores, cenografia em Bruxelas

teatro da vertigem em bruxelas

teatro na Bolsa de valores bruxelas instalacao casal  teatro na bolsa de valores bruxelas

“Dizer aquilo que não pensamos em línguas que não falamos” faz parte da programação do Villes en Scène /Cidades em Cena, iniciativa do Teatro Nacional da Bélgica e apoiado pelo Programa Cultura da União Europeia que reúne seis teatros da Europa em torno da questão do “viver juntos” nas grandes cidades: Théâtre National /Bruxelas, Folkteatern / Göteborg, Odéon Théâtre de l’Europe /Paris, Teatrul Nacional Radu Stanca /Sibiu, Teatro Stabile di Napoli/Nápoles, Teatro de La Abadía/Madri. Desde 2011 e até 2016, cada um dos diretores escolhidos leva uma equipe do seu país de origem e convida atores e artistas dos países parceiros do projeto para, juntos, criarem um espetáculo, que deverá ser apresentado em pelo menos duas cidades europeias. Participam do projeto os diretores europeus Fabrice Murgia (Bélgica), Lars Norén e Sofia Jupither (Suécia), Joël Pommerat (França), Gianina Carbunariu (Romenia), Emma Dante (Itália) e Frank Castorf (Alemanha), além do diretor brasileiro Antonio Araújo. (texto Canal Aberto)

vertigem na bolsa de bruxelas
teatro da vertigem bruxelas belgica39

Teatro da vertigem na bolsa de valores teatro na bolsa de bruxelas revolution

Fichatécnica: Texto: Bernardo Carva lho Direção: Antônio Araújo Com: Roberto Audio, Jean-Pierre Baudson, Claire Bodson, Didier De Neck, Vanja Godée, Nicolas Gonzales, Vincent Hennebicq e Luciana Schwinden Coro: Laetitia Augustin-Viguier, Katia Bissoli, François Ebouele, Laetitia Evens, Daniel Farias, Fabien Magry e Nabil Missoumi Dramaturgia: Silvia Fernandes e Antonio Duran Cenografia: Thiago Bortolozzo Desenho de luz: Guilherme Bonfanti Música original e criação sonora: Thomas Turine Trompete: Ludovic Bouteligier Vídeo: Fred Vaillant Figurinos: Frédéric Denis e Laurence Hermant Assistente de direção: Eliana Monteiro e Maria Clara Ferrer Tradução: Pauline Alphen Coordenação de produção da companhia Teatro da Vertigem: Roberta Val Realização de figurino: ateliers du Théâtre National Bruxelles Coprodoução: Festival d’Avignon e Théâtre National Bruxelles, com participação da companhia Teatro da Vertigem e subsídios do Programme Culture de l’Union Européenne integrados ao projeto Villes en Scène/Cities on Stage
 
 
Advertisements